Graça de Deus é manifesta antes do novo nascimento, como vimos em Graça Preveniente. Antes que caiam as vendas nossos olhos, antes que se rompam as cadeias dos nossos corações, antes que haja um despertar para a realidade espiritual, Deus em Sua bondosa Graça, nos alcança. Como está escrito a respeito de Lídia, a vendedora de púrpura: “O Senhor abriu seu coração para atender à mensagem” Atos 16:14

É por causa da Graça Preveniente que reconhecemos nossa pecaminosidade e percebemos o estado de total desamparo que nos encontramos. É a Graça Preveniente que produz o profundo desejo de encontrar a Deus, um desejo que somente pode ser satisfeito na revelação de Cristo Jesus. 

Está revelação, Jesus Cristo, é anunciada pelo Espírito Santo e revela a obra de salvação. Porém, está revelação é precedida de um período, seja longo ou curto, de uma preparação especial do coração para receber a revelação. Um “pré-nascimento”, por assim dizer. 

Esta realidade nos é apresentada em todo o Novo Testamento e com bastante clareza no livro de Atos. Diversas pessoas que tinham sido “aceitas por Deus” foram trazidas para a Revelação do Filho de Deus pelo Espírito Santo. 

O Novo Testamento, de maneira geral, ensina que, todo cristão genuíno é conscientemente habilitado pelo Espírito Santo e, que Cristo é a Revelação do Espirito Santo. Romanos 8:9 ensina que aqueles que não têm o Espirito não são Dele. Pois, é pelo Espírito que somos batizados no corpo de Cristo 1 Co 12:13. Isto é, não há cristão que não tenha o Espírito Santo. 

É através da Graça preveniente que podemos chegar ao entendimento da obra de Cristo. Em um Calvinismo mais moderado é reconhecido como “Eleição”. Alguns preferem o termo “Regeneração” como visto no Episódio “Graça Preveniente, História e Desenvolvimento”. Em geral os calvinistas, à grosso modo diz que, os Homens têm a Graça da Salvação quando sentem “agitações” por serem conduzidos pelo Espírito Santo. Eles deduzem que ao crer no Jesus histórico e sentir esta condução à Ele, nasceram de Novo. Já para o Arminianismo clássico está é uma experiencia “pré novo nascimento”. 

Enfim, esta Graça Preveniente que desperta a convicção do pecado e por ele abominação é, às vezes, comparado a pequenas temporadas de amor e alegria, antes que a fé salvadora seja imputada a nós. 

A Graça Preveniente é encontrada no livro de Atos abundantemente. Em Atos 2:5 Judeus, tementes à Deus, de todas as partes do mundo estavam em Jerusalém, foram despertados pelo Espírito e com o coração aflito disseram: “Irmãos, que faremos?”, Atos 2:37. Ou seja, estes homens perceberam a Graça antes do Pentecostes. Isto é, a Graça Preveniente. 

Em Atos 8 vemos que o Etíope foi movido pelo Espírito Santo a ler o livro de Isaías antes de receber a Revelação completa a respeito de Cristo. Neste momento, Felipe é levado ao Etíope para auxiliar nos estudos da Escritura. 

Atos 9, Saulo é chamado três dias antes de ser batizado e ter recebido o Espírito Santo. 

Atos 10, vemos o Espírito Santo trabalhando com Cornélio e movendo o coração de Pedro a ir falar com ele. Cornélio ainda não era um cristão, mas havia sido “aceito do por Deus” por causa da sua fé. 

Atos 13:48, vemos inúmeros gentios glorificando a Deus. Eles estavam debaixo da misericordiosa Graça Preveniente esperando o “mundo da verdade.” 

Atos 16, o Apóstolo Paulo conheceu um jovem que já lhe havia caído as escamas dos olhos, porque lhe havia sido ensinado o caminho da fé, por sua mãe e avó. Paulo, também encontra Lídia, a vendedora de púrpura, que conduzia um grupo de pessoas “aceitas por Deus”, ela orava a beira do rio e recebeu tudo quanto Paulo falou. Depois há o carcereiro que tem conhecimento de Deus suficiente para perguntar “senhor, o que mais faço para ser salvo”. 

Atos 17:4. Em Tessalônica vemos Gregos e outras mulheres de alta classe que estavam debaixo da Graça Preveniente esperando pelo Dom da Salvação. Em Bereia, as Escrituras afirmam que eles estavam com fome da Palavra de Deus. Em Atenas os Homens estavam ignorantemente adorando o Deus desconhecido e, depois da pregação da Palavra, alguns deles entenderam a verdade e creram em Jesus. 

Atos 19. Para os Efésios a Graça precedeu a pregação de Paulo. Paulo aparece e trouxe o sentido do Espírito, exortou que fossem batizados nas águas e recebessem o Espírito Santo. 

Enfim, estes são alguns exemplos da Graça Preveniente. Hoje em dia, muitos sentem este trabalho do Espírito Santo antes da conversão, e quando testemunham a respeito, lembram da Graça Preveniente, muitos novos convertidos nem ao menos sabem os termos mais técnicos, mas reconhecem uma experiência anterior a conversão. 

Referências:

Brush. E. N. Prevenient Grace In The Book Of Acts. Society of Evagelicals Arminians: 2021. Digital. < http://evangelicalarminians.org/e-norman-brush-prevenient-grace-in-the-book-of-acts/

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *